CONECTA FIBRA ÓTICA SALINAS MG

CONECTA FIBRA ÓTICA SALINAS MG
CLIQUE NA IMAGEM

28 de novembro de 2013

Riscos de acidente de trânsito aumentam no período de chuva


Samu orienta sobre os cuidados que ajudam a reduzir e até evitar esses acidentes

O número de acidentes de trânsito com vítimas fatais nas rodovias que cruzam o Norte de Minas tem crescido de forma preocupante. De acordo com as estatísticas de atendimento do SAMU Macro Norte, o número de óbitos por acidente envolvendo motocicletas é três vezes maior que os acidentes com carros, a maioria por falta de educação para o trânsito, intolerância, imperícia e negligência dos condutores, e pela combinação álcool e direção.

“Trauma é a principal causa de morte nas quatro primeiras décadas de vida e pode ser considerada uma epidemia de difícil controle. No Brasil, são 140.000 mortos por ano em decorrência acidentes de trânsito e para cada morte, três pacientes têm sequelas”, aponta o instrutor e médico intervencionista do Samu Macro Norte, Antônio Marinho Cedrim. Segundo o Cedrim, “além do aumento expressivo da frota, o motociclista nem sempre está preparado para o trânsito e acaba sendo vítima, já que está mais exposto ao risco de lesão”, completa.

REDUZINDO OS RISCOS
O coordenador do SAMU Macro Norte, Enius Freire Versiani, explica que é possível reduzir os riscos de acidentes se as pessoas tomarem alguns cuidados. O médico orienta que em caso de viagem o ideal é planejar com antecedência, consultando o mapa rodoviário para escolher o melhor trajeto. “Nas paradas, aproveite para checar o veículo e também para alongar o corpo, isso vai melhorar a circulação e reduzir a tensão”, recomenda.

Enius Versiani também alerta sobre os perigos de dirigir sob efeito do álcool, que além de ato criminoso, induz as pessoas a atitudes que normalmente não teriam, seja por excesso de confiança ou pela perda da noção do perigo. “A maioria das pessoas alcoolizadas acredita que está bem para dirigir. Isso ocorre devido à falsa sensação de leveza e bem-estar que o álcool proporciona”, explica.

De acordo com o médico, os principais efeitos do álcool no organismo são diminuição da coordenação motora, visão distorcida, dupla e fora de foco, raciocínio e reações lentas, falta de concentração, diminuição ou perda do espírito crítico e baixa qualidade de julgamento. “Todos esses fatores são um risco potencial se aliados à direção”, ressalta.

O QUE FAZER EM CASO DE ACIDENTE
Ao se deparar ou se envolver em um acidente de trânsito, o SAMU orienta sinalizar o local utilizando triângulo de sinalização e galhos de árvore, lembrando que nas rodovias é preciso sinalizar nos dois sentidos. Em caso de acidente envolvendo motocicletas, a orientação é não movimentar a vítima, não fazer torniquetes, não retirar o capacete e não dar nada para a vítima beber.

Para pedir socorro basta ligar 192. A ligação é gratuita e dispensa o uso de cartão telefônico ou crédito no celular. Ao ligar para o 192 o solicitante falará com o atendente, que pedirá algumas informações tais como o motivo da ligação, se o solicitante está perto da vítima, dados como sexo e idade aproximada da vítima, endereço e ponto de referência para facilitar a chegada da unidade ao local, reduzindo o risco de a ambulância gastar tempo procurando o endereço.

Após esse breve atendimento, a ligação é transferida para o médico regulador que poderá fazer algumas perguntas tais como se a vítima está consciente, se respira, se consegue falar, dentre outras. O objetivo é definir que tipo de unidade deverá ser encaminhada ao local para prestar o atendimento. O médico regulador acompanhará e orientará todo o atendimento até que a vítima chegue à unidade de saúde de referência.

DICAS DE TRÂNSITO SEGURO
Para transportar crianças de até um ano, a orientação é utilizar sempre cadeira bebê conforto. As crianças de 1 a 5 anos devem ser transportadas no banco traseiro em cadeira de segurança na posição vertical e voltada para frente. Já as crianças de 5 a 10 anos devem utilizar cadeira especial, presa ao cinto de segurança de três pontos. As crianças a partir de dez anos só deverão utilizar o cinto de segurança convencional se tiverem estatura compatível, ou seja, que este fique no tórax, nunca no pescoço. O alerta também é nunca deixar a criança sozinha dentro do carro.

Para transitar com segurança o condutor que estiver em baixa velocidade deve permanecer na faixa da direita para manter-se seguro e não atrapalhar o trânsito e só ultrapassar pela faixa da esquerda.

Motoristas não devem falar ao celular enquanto dirigem, devem reduzir a velocidade ao chegar a cruzamentos, manter distância segura em relação ao veículo da frente, obedecer à sinalização e fazer paradas periódicas em caso de viagem de longa distância.

Motociclistas devem trafegar sempre com farol aceso, usar equipamentos de segurança como capacete, luvas, calçado fechado, calça em tecido resistente e jaqueta de cores claras, manter distância segura em relação aos outros veículos e observar com atenção a porta do motorista quando for ultrapassar um veículo parado, pois ela poderá ser aberta repentinamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Pesquisar este blog